Arquivos 710 banners 15212 logo png 340 340 1 0  png
Anigif
2018 10 15 14.56.14
605x70 1 1

Cidades

16/05/2017 09:37

Mulher quase morre ao ter linha de pipa com cerol enroscada em seu pescoço.

Acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira 15, próximo a ASMUV no Bairro Bela Vista em Vilhena.

Segundo informações uma moça de 28 anos, chegava a sua residência que fica próximo a ASMUV no Bairro Bela Vista, quando uma linha com cerol utilizada para empinar pipa, enroscou em seu pescoço causando corte profundo, ao perceber que estava ferida, a moça conteve o sangramento com a mão esquerda e seguiu em uma moto Honda Biz para o hospital regional, onde de imediato foi atendida no pronto socorro.

Devido ao grande sangramento a vítima passou por procedimentos cirúrgicos e até o momento da entrevista com familiares a mesma já teria recebido duas bolsas de sangue, seu estado é considerado grave e inspira cuidados.

Muitos acidentes fatais ocorrem com motociclistas que passam por áreas onde crianças e adolescentes empinam pipas. Geralmente nos casos fatais, é o pescoço do motociclista ou pedestre que entra em contato com a linha de pipa com cerol. Em Vilhena bem como em outras cidades, vem aumentando consideravelmente o número de jovens e adultos empinando pipa, caso alguém queira conferir é só passar nos fins de tarde e final de semana nas proximidades da pista de kart e próximo ao Parque de exposições de Vilhena, para conferir a quantidade de pessoas empinando pipa naquele lugar.

Cerol é crime!

Cerol é o nome atribuído a uma mistura de cola com vidro moído (ou limalha de ferro) que é aplicado em linhas de papagaios, também conhecidos como pipas. O cerol é aplicado diretamente na linha que será usada para empinar a pipa. A cola serve como aglomerante, enquanto o pó de vidro ou Ferro serve como abrasivo. O resultado é uma linha extremamente cortante, que pode trazer riscos (inclusive de morte) para quem aplica e para quem usa a linha com cerol, além disso, as linhas com cerol trazem riscos para a vida selvagem (em especial pássaros), para pedestres, motoqueiros e outros motoristas.

Linha chilena, mais perigo nas ruas, acaba de surgir uma nova estratégia para a perigosa diversão, alguns homens e adolescentes estão deixando o uso do tradicional cerol à base de cola de madeira com vidro e aderindo ao uso da “linha chilena”. A técnica é composta por quartzo moído e óxido de alumínio, e esta preocupando as autoridades, por ser mais um objeto de grande perigo principalmente aos Motoqueiros, a “linha chilena” que esta sendo importados sem dificuldade alguma, adeptos à nova estratégia usa a internet para comprar o produto que pode cortar até quatro vezes mais do que a linha nacional.

 

Fotos Vilhena Alerta


Img 20181009 wa0212Img 20181015 wa009220181015 144212Img 20180328 wa0042

Todos os direitos reservados, site plantaocentral.com.br/agosto/2015

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo